Início / Tecnologia

Como usar o Google Trends na estratégia do seu negócio

A imagem mostra um notebook ligado com a tela inicial do Google sendo mostrada, como se a pessoa fosse pesquisar pelo Google Trends.

Saber o que se passa na cabeça das pessoas é um desejo que muita gente tem – ainda mais ao ter um pequeno negócio, em que conhecer bem o cliente é um dos principais pilares da empresa. 

Ler mentes ainda não é exatamente possível, mas a tecnologia pode dar uma pequena ajuda – pelo menos para saber o que as pessoas estão procurando no Google. É justamente esse tipo de conteúdo exibido no Google Trends, site da gigante de buscas que mostra exatamente o que as pessoas estão procurando na internet, levando em conta onde elas estão e os principais interesses ao longo do tempo. 

É uma ferramenta muito útil para te ajudar em várias áreas do seu negócio, das compras até o marketing. Neste texto, vamos explicar melhor o que é o Google Trends, como ele funciona e como ele pode te ajudar no seu e-commerce ou loja física. Vamos lá?

Seções

  • O que é Google Trends?
  • Como o Google Trends funciona? 
  • Para quê posso usar o Google Trends? 
  • Como usar o Google Trends? 
  • Como produzir conteúdo a partir do Google Trends? 

O que é o Google Trends?

Antes de tudo, vamos recorrer ao dicionário: “trends”, em inglês, significa tendências. Google Trends, assim, é uma ferramenta do Google que mostra as principais tendências em termos de busca na própria ferramenta de pesquisa. 

No site, que está disponível em português, é possível ver tendências de popularidade (ou falta dela) para diferentes termos de busca ao longo do tempo, considerando aspectos como os locais onde as pessoas estão fazendo essas buscas. Desse modo, é possível ver se uma tendência está crescendo ou caindo.

Além disso, o Google Trends também oferece informações demográficas e outras buscas relacionadas à palavra pesquisada. Caso você busque “logística”, por exemplo, será possível encontrar complementos como “logística para e-commerce” ou “estoque para logística”. 

Mais do que apenas uma curiosidade, entender as pesquisas relacionadas é uma boa forma de entender de que forma uma tendência está crescendo, especialmente quando falamos de temas muito amplos. Além disso, é interessante poder filtrar buscas por segmentos, país, cidade e ano (o Google Trends traz dados desde 2004!). 

Como o Google Trends funciona?

O Google Trends funciona de um jeito muito simples: o site basicamente compila todas as buscas feitas dentro do Google pelas pessoas ao redor do mundo e as resume em termos de tendências de palavras-chave. 

Assim, a ferramenta é um indicativo de termos que estão sendo bastante buscados no mundo – e considerando que praticamente todo mundo usa o Google, é uma aproximação bem relevante do que está na cabeça das pessoas, considerando métricas reais. 

O Google Trends é gratuito? 

Sim, o Google Trends é uma ferramenta gratuita do Google. É possível acessá-la e usar suas funções sem custo. 

O Google Trends tem dados em tempo real? 

Não. As informações do Google Trends são atualizadas regularmente, mas trazem normalmente dados com algumas horas de atraso ou alguns dias, mas isso varia conforme a popularidade do termo de pesquisa. 

A ideia do site é apresentar uma visão ampla das mudanças de interesse ao longo do tempo, fazendo análises de tendências e padrões em diferentes escalas.

Precisa ter conta no Google para usar o Trends? 

Não, você não precisa de uma conta do Google para usar o Google Trends. Para usar o site, basta simplesmente acessá-lo e fazer suas buscas. Mas ter uma conta do Google serve para aproveitar diferentes recursos do Trends, incluindo salvar pesquisas ou configurar alertas de tendências. 

Para quê posso utilizar o Google Trends?

Agora que você já entendeu o básico sobre o Google Trends, podemos avançar para mostrar para quais finalidades é possível usar a ferramenta. 

Antes de começar, é importante saber que toda pesquisa que você fizer pode conter filtros, incluindo:

  • localização da pesquisa; 
  • prazo da pesquisa; 
  • categoria da pesquisa; 
  • tipo da pesquisa. 

Com filtros você consegue resultados mais certeiros – um exemplo simples é pensar que você pode usar filtros para diferenciar “manga” (a da camisa) de “manga” (o alimento), ou Roberto Carlos (o cantor) de Roberto Carlos (o jogador). 

Outra funcionalidade importante que você pode usar do Google Trends é a de comparação, buscando entender não só se um termo foi buscado, mas qual é o desempenho de buscas dele em relação a outros termos – algo muito útil na hora em que se precisa priorizar um item numa promoção ou no destaque de alguma área do seu site. 

Além disso, o Google Trends é muito útil para estratégias de marketing digital. Entre elas, podemos citar: 

  • SEO e marketing de conteúdo: você pode não só usar o Google Trends para saber o que seu público-alvo está buscando, mas também gerar conteúdos para seu site e suas redes sociais; além disso, saber que termos o público usa para se referir a um produto (é “blusa” ou “jaqueta”) pode ajudar na hora de você nomear os itens no e-commerce, tornando-os mais adaptados às buscas; 
  • Mídia paga: com o Google Trends, você também consegue criar campanhas de mídia paga com os termos-chave mais relevantes que estejam dentro do seu nicho de mercado (mas cuidado para não usar os termos altamente buscados, pois poderá sair caro pagar por exposição neles!); 
  • Inspirar a criatividade: além de termos específicos sobre os produtos que você vende, olhar para tendências e assuntos pode ajudar a inspirar conteúdos no seu site e nas redes sociais; temas da moda como BBB, Copa do Mundo ou memes são filtrados pelo radar do Trends e servem de inspiração nas suas ideias! 

Como usar o Google Trends?

Existem várias formas de se usar o Google Trends – e cada uma delas pode te ajudar a entender tendências de mercado de um jeito específico. Vamos falar abaixo sobre algumas das formas de se utilizar essa ferramenta tão útil. 

Identificar as últimas tendências

Como o nome já diz, o Google Trends traz uma série de dados e tendências de diferentes locais do mundo. São informações úteis, porque você pode utilizá-las para criar conteúdo e até mesmo definir estratégias de negócio. 

Uma página particularmente interessante é a de “principais pesquisas”, que traz os termos mais buscados nos últimos tempos – ótima bússola para criar conteúdos e postagens em redes sociais! 

Nessa página, você vê os termos mais buscados nas últimas 24 horas, um termômetro das últimas notícias e novidades – e até há quem use essa ferramenta para tentar prever, por exemplo, resultados de eleições. 

Encontrar categorias relevantes

Outra ferramenta muito útil é a de entender categorias e buscas relevantes, a fim de definir quais serão seus próximos passos no negócio. Considere, por exemplo, que você tem uma loja especializada em tênis. As vendas podem ir bem, mas você percebe que precisa expandir seu negócio para chegar no nível de faturamento que deseja. 

Assim, você fica em dúvida se começa a expansão por chinelos ou por meias, dois produtos que estão ligados aos tênis. Ao fazer uma busca no Trends, focando no filtro da sua cidade ou região, é possível entender qual artigo é mais buscado pelas pessoas na área, considerando o filtro de “calçados e acessórios”. 

Com ajuda do Google, você pode chegar no seu próximo passo de negócio – ou talvez você descubra que nenhum dos dois termos é muito pesquisado e prefira investir em sapatênis. 

Para realizar pesquisas de palavras-chave

Outra ferramenta útil é fazer pesquisas de palavra-chave para reforçar sua estratégia de SEO. Digamos que você esteja fazendo um texto para o blog do seu e-commerce, por exemplo, e esteja em dúvida em que palavra destacar no título. 

Assim, o recurso de comparação é muito útil, pensando nos termos que foram mais buscados em torno de um determinado assunto; além disso, porém, pense em que tipo de público você quer atingir (e se vale a pena disputar um espaço na busca em termos super procurados). 

Preparar o seu negócio

Outra forma útil de usar o Google Trends aparece para quem tem um negócio sazonal (e precisa se cuidar para não perder faturamento ou outros problemas). Se você vende sorvete no verão, talvez seja uma boa pesquisa descobrir o que as pessoas buscam para comer nos meses de inverno, criando novas estratégias. 

Descobrir regiões com alto potencial de venda

Uma das belezas da internet é que você não precisa apenas vender na sua cidade ou no seu bairro, mas para todo o País. Assim, se você fabrica um produto nichado, pode usar o Google Trends para descobrir onde as pessoas estão buscando mais por aquele produto ou serviço. Se entender que há uma demanda forte no Ceará pelos chapéus de palha artesanal que você faz, por exemplo, é possível criar conteúdos focados naquela região ou até mesmo direcionar campanhas de mídia paga para quem mora lá. 

Realizar pesquisa de concorrência

Outra forma de entender a posição do seu negócio, sempre, é analisando-o em comparação com seus concorrentes. Assim, você pode usar o Google Trends para entender como as pessoas estão buscando a sua marca e a das empresas que competem com você ao longo do tempo ou em um determinado local. 

Com isso, você poderá criar estratégias para reverter o cenário ou até mesmo ampliar sua vantagem em regiões estratégicas para o seu negócio. 

Esperamos que, ao final desse texto, você tenha entendido algumas maneiras interessantes de usar o Google Trends. Lembre-se que o Loggi Conteúdos contém diversos artigos para te ajudar a criar estratégias de marketing e de negócio – e que se você precisar de ajuda com logística, pode contar com a Loggi. Boas vendas! 

Loggi
A equipe de redação do blog Loggi é um time dinâmico que explora os meandros da logística, e-commerce e gestão. Com habilidades diversas, cada escritor contribui para contar histórias envolventes sobre transporte, inovação e estratégias empresariais. Juntos, compartilhamos a visão da Loggi de transformar a experiência logística no Brasil.
Compartilhar: